27 de dezembro, 2022 ines.gaiola@c21tipyfamily.com

Setúbal vai reabilitar 455 fogos no Bairro da Bela Vista

Autarquia anunciou um investimento de 297 milhões de euros em habitação até 2030.

A Câmara Municipal de Setúbal aprovou um concurso público de 36,6 milhões de euros para reabilitação de 455 fogos no Bairro da Bela Vista, com financiamento assegurado através do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).  A empreitada para reabilitação do “Bairro Amarelo” da Bela Vista, no âmbito da Estratégia Local de Habitação, será adjudicada em quatro lotes, o primeiro para requalificação de 67 fogos, entre as ruas Padre José Maria Nunes da Silva e do Moinho e avenidas da Bela Vista e Francisco Fernandes, no valor máximo de seis milhões de euros.

  • O segundo lote, com um valor máximo de 9,1 milhões de euros, prevê a recuperação de 113 fogos e partes comuns de edifícios situados entre a Rua do Moinho, avenidas da Bela Vista e Francisco Fernandes e Alameda do Pinheiro.
  • Segundo a Câmara de Setúbal, no âmbito do lote 3 está prevista a reabilitação de 28 fogos e partes comuns do edifício do bloco E3, localizado entre a Avenida da Bela Vista e ruas do Antigo Olival e do Monte, com um valor máximo de 10,4 milhões de euros.
  • A intervenção maior será no lote 4, com a requalificação de um total de 147 fogos e partes comuns dos edifícios de diversos blocos habitacionais, entre a Avenida da Bela Vista, ruas do Antigo Olival e do Monte e Avenida Francisco Fernandes, no valor de 11 milhões de euros.

Em outubro, a Câmara Municipal de Setúbal já tinha aprovado a abertura de um concurso público de 10,6 milhões de euros para reabilitação de 38 edifícios do Bairro da Alameda das Palmeiras, também na zona da Bela Vista. 

Autarquia investe 297 milhões em habitação até 2030

De acordo com a autarquia sadina, esta intervenção no setor da habitação pretende criar as condições necessárias que comportem “mais-valias térmicas, eficiência energética e acessibilidades”, de modo a garantir a melhoria do conforto e comodidade dos moradores.

A proposta do concurso público aprovada em sessão de câmara estabelece um prazo de execução das obras em cada um dos quatro lotes de 800 dias. As candidaturas deverão ser apresentadas no prazo de 36 dias.vAs obras, de acordo com a Câmara de Setúbal, serão adjudicadas às candidaturas que apresentem a “proposta economicamente mais vantajosa na modalidade melhor relação qualidade-preço”.

Há cerca de um ano, em novembro de 2021, a Câmara de Setúbal anunciou um investimento de 297 milhões de euros na construção/reabilitação de 3.722 fogos até 2030, no âmbito da Estratégia Local de Habitação. Além da construção de 538 novos fogos, para renda apoiada e reduzida, está prevista a reabilitação de 1.875 fogos municipais e de 1.274 fogos de propriedade privada, em intervenções que abrangem um total de 414 edifícios.

Autor: Lusa

Fonte: Idealista